Rapper Lil Wayne perde processo contra Quincy Jones III

Lil Wayne perdeu o processo contra Quincy Jones III em que alegava o uso indevido de sua música no documentário biográfico The Carter. Em resposta, Quincy registrou processo contra o rapper por ter bloqueado erroneamente o lançamento do filme.
Como Wayne não compareceu à audiência, devido a uma série de convulsões, seu advogado teve que mostrar um vídeo com seu depoimento. Na gravação, ele se recusou a responder às perguntas e zombou do processo, dizendo que o filme era um "retrato escandaloso" de seu personagem.

O juiz repudiou o comportamento, classificando como "conduta irracional na deposição" e "comportamento irresponsável".
As canções usadas no filme incluem sucessos como Lollipop, Stuntin, Like My Daddy, Monstro Cona, Mr. Carter e Dontgetit, faixa do álbum mais vendido de sua carreira.
Apesar de Wayne alegar que não autorizou o uso de sua música, ele teria cooperado com as filmagens do documentário, permitindo que câmeras o acompanhassem.

No processo, impetrado pela empresa Lavely & Singer, em nome da estrela, Wayne pediu uma indenização não especificada e uma ordem proibindo os produtores de usar sua música.

in Terra

Partilhar
Google+