Dealema apresentam novo álbum no Hard Club

O Hard Club recebe este sábado o concerto de apresentação do mais recente trabalho dos Dealema. “Álvorada da Alma”, com edição marcada para 16 de Dezembro, é o quarto álbum de uma carreira de 17 anos, que regista ainda 2 EP, um deles em parceria com a Optimus Discos.
Ace (Mind da Gap) é um dos 12 convidados que participam no novo disco dos Dealema, contribuindo com a voz no single de avanço “Bom Dia”. “Álvorada da Alma” conta ainda com a participação de Nbc, Dino de Santiago, Manuel Cruz, Marta Ren, Ana Lu, Elisabete Silva, Kid Mc (Angola), Emicida (Brasil), Nach (Espanha), Woyza (Espanha) e Sam The Kid, que contribui com a produção de uma das faixas.

Os membros do grupo DJ Guze e Maze estreiam-se na produção de temas dos Dealema, embora a maior parte das músicas seja produzida pelos músicos Mundo e Ex-Peão.

O P24 conversou com Fuse, que explicou que o verso “As trevas antecedem a Alvorada da Alma”  surgiu, pela primeira vez, na música “Mergulha na Felicidade”, no álbum homónimo, de 2003, e reapareceu em “Sala 101″, do álbum “V Império”, de 2008.

Com “Álvorada da Alma”, o objectivo, conta o elemento dos Dealema, “era fazer um disco luminoso, um disco positivo”, depois de “A Grande Tribulação”, de 2011, que “foi um álbum mais escuro, foi um álbum mais intenso, mais pesado”.

Em declarações ao P24, Fuse explicou que o novo disco “continua a ter esses lugares comuns”. “[Ideias] que só aqueles que nos seguem é que identificam”, sublinha.

“A ideia dos convidados surgiu depois. Quando começámos a reunir os instrumentais, vimos que havia ali um conceito que podíamos explorar muito mais além. [Implicava] trabalhar com mais pessoas e, à medida que ouvíamos uma e outra música, lembrávamos-nos de nomes que vinham à cabeça”, conta Fuse, sobre o processo criativo do álbum.

“O trabalho correu muito bem”, com “boa química” entre os elementos do grupo e os convidados, considera Fuse, que lembra que “quase todos eles são amigos”. “São pessoas com as quais nos identificamos. Identificamos-nos com o trabalho deles e vice-versa e isso simplifica muito as coisas”.

O músico caracteriza os Dealema como uma banda com “uma mente aberta, a nível de trabalho, para trabalhar seja com quem for”, e explica o porquê dessa atitude. “Uma das coisas que nos caracteriza muito e ao nosso círculo de amigos, que envolve as cidades do Porto e Gaia, é que desde que somos novos, desde que somos adolescentes, sempre vivemos rodeados por culturas diferentes”.

O concerto dos Dealema insere-se numa das noites de “Vicious Hip-Hop”, promovida pela Vicious Events, e contará ainda com a presença dos convidados que participaram no álbum, com a excepção de Emicida e Nach. O programa da noite conta ainda com a participação de Virtus numa sessão de beats, com a actuação do DJ Suprhyme – Melo e do DJ Casca e com a segunda sessão do concurso de breakdance ”I Am Da Champion”.

Os bilhetes custam 15 euros, em pré-venda até às 14h de sábado, ou 17, à porta. O álbum “Álvorada da Alma” estará à venda por um preço especial de 5 euros para quem tiver o bilhete do concerto. A abertura de portas está marcada para as 22h30.

in Porto24

Partilhar

Artigos Relacionados

Google+